Veja todas as obras

Neide Sá

Neide Dias de Sá é uma das fundadoras do movimento de Vanguarda Poema/Processo, que teve seu início em 1967, sendo uma das responsáveis pela publicação das obras Ponto 1, Ponto 2, Processo e Vírgula, ligadas ao movimento. O início de sua produção, que data de meados da década de 60, é marcado pela associação aos ideais radicais e politicamente engajados do movimento. A partir da década de 80, Neide se debruça sobre a criação de obras participativas, em que o corpo do espectador opera como parte integrante da obra de arte.

 

Em 1976, ingressa na PUC/RJ, onde estuda programação visual, formando-se em 1980. Três anos depois faz pós-graduação em Arte Educação no Instituto Metodista Benett; cursa gravura e fotogravura, com Tereza Miranda; pintura, com Katie Van Sherpenberg e participa da Oficina de Gravura, desenvolvendo pesquisas com gravura em relevo, no MAM/RJ. Em paralelo aos estudos, dirige o Núcleo de Arte Heitor dos Prazeres, entre 1966 e 1983.

 

Participou da Bienal de Veneza em 1978, das Bienais de São Paulo de 1974 e 1978, e da 3ª Bienal lntenacional do México, em ­1990, entre outras.





Nascida em 1940, Rio de Janeiro, Brasil.
Vive e trabalha no Rio de Janeiro, Brasil.

Exposições na Galeria Superfície

2017

Poema/Processo: vanguarda e história - Basel, Suíça

50 anos Poema/Processo: uma vanguarda semiológica

2018

A Poesia e as Artes Visuais

Filme Experimental Abstrato Anos 70/80

Estrutura poética, Ruptura e Resistência

2019

Novos Meios e Conceitualismo nos Anos 70



Exposições Individuais

2018

Estrutura Poética, Ruptura e Resistência. Galeria Superfície, São Paulo, Brasil.

1998

Neide Dias de Sá: Revelação dos Rastros, Pinturas e Livros Objetos. Margs, Porto Alegre, Brasil.

1993

Galeria Casas Jove, Barcelona, Espanha.

Laços de Cumplicidade. Escritório de Arte de Boscan e Erasmo Rocha, Rio de Janeiro, Brasil.

1991

IAB, Rio de Janeiro, Brasil.

1980

Livros de Artista. Centro I'L Brandale, Itália.



Exposições Coletivas

2019

Poema-Processo, A Última Vanguarda (14ª Bienal de Curitiba). Museu Municipal de Arte, Curitiba, Brasil.

Novos Meios e Conceitualismo nos Anos 70. Galeria Superfície, São Paulo, Brasil.

Manjar: Para Habitar Liberdades. Solar dos Abacaxis, Rio de Janeiro, Brasil.

Arte-Veículo. Sesc Santos, Santos, Brasil.

História da Poesia Visual Brasileira. Sesc Bom Retiro, São Paulo, Brasil.

2018

A Poesia e as Artes Visuais. Galeria Superfície, São Paulo, Brasil.

Filme Experimental Abstrato Anos 70/80. Galeria Superfície, São Paulo, Brasil.

Mulheres na Coleção MAR. Museu de Arte do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil.

Arte-Veículo. Sesc Pompeia, São Paulo, Brasil.

Mulheres Radicais: Arte Latino-Americana, 1960–1985. Pinacoteca do Estado de São Paulo, São Paulo, Brasil.

Radical Women: Latin American Art, 1960–1985. Brooklyn Museum, Nova York, EUA.

Radical Women: Latin American Art, 1960–1985. Hammer Museum, Los Angeles, EUA.

2017

Mais do que Araras. Sesc Palladium, Belo Horizonte, Brasil.

Monumental 2017, Arte Móvel. Marina da Glória, Rio de Janeiro, Brasil.

Poema/Processo: Vanguarda e História. Maison de la Poésie, Basel, Suíça.

50 Anos Poema/Processo: Uma Vanguarda Semiológica. Galeria Superfície, São Paulo, Brasil.

2004

A Cara do Rio. Centro Cultural Correios, Rio de Janeiro, Brasil.

2002

Brazilian Visual Poetry. Mexic-Arte Museum, Austin, EUA.

1999

Poemas Visitados Versão Preto e Branco. Galeria Sesc Copacabana, Rio de Janeiro, Brasil.

1995

Mostra Nacional de Poesia Visual. Galeria Conviv'Art – Campus da UFRN, Natal, Brasil.

1994

Arte BA'94 – Feira de Galerias de Arte-Pinturas. Centro de Arte Recoleta, Buenos Aires, Argentina.

1993

Coletiva no Centro Cultural Dante Chiase. Florença, Itália.

12ª Feira Mainzet Minipressen Messe. Gutemberg Museum, Mainz, Alemanha.

Libro e Segnalibro. Museu Dell' Informazione, Senigalia, Itália.

1992

Fe/Mail Art. Senigalia, Itália.

Arte Visita. Centro de Estudios Brasileños, Buenos Aires, Argentina.

Exposição Livro de Artista – Feira do Livro de Lisboa. Palácio das Galveias, Lisboa, Portugal.

Arte BA'92 – Feira de Galerias de Arte-Pinturas. Centro de Arte Recoleta, Buenos Aires, Argentina.

1991

Fe/Mail Art. Senigalia, Itália.

1990

Mostra II Librismo – Fieira Campionaria Di Itália Cagliari (100 anos de livros sem texto). Cagliari, Itália.

3ª Bienal Internacional de Poesia Visual/Experimental. Cidade do México, México.

1988

1ª Mostra Internacional de Poesia Visual de São Paulo. CCSP, São Paulo, Brasil.

Exposição Internacional Livros Experimentais. Senigalia, Itália.

Outras Escritas, Novos Suportes. Museu de Setúbal, Setúbal, Portugal.

5ème Recontres Internacionales de Poesie Contemporaine. Ventraben, França.

1987

1º Festival Internacional de Poesia Visual. Figueira da Foz, Portugal.

20 Anos de Poema/Processo. Montevidéu, Uruguai.

1981

1ª Exposição Internacional de Art-Door. Recife, Brasil.

1978

Mostra de Livros de Artistas. Galeria Other Books and So, Roterdã, Holanda.

Bienal de Veneza. Veneza, Itália.

Mostra Internacional del Livro D'Artista. Verona, Itália.

1977

14ª Bienal Internacional de São Paulo. Fundação Bienal, São Paulo, Brasil.

1975

Mostra de Poesia Internacional. Roterdã, Holanda.

Mostra Internacional de Poesia Visual. Utrecht, Holanda.

1973

12ª Bienal Internacional de São Paulo. Fundação Bienal, São Paulo, Brasil.

1972

2ª Bienal Internacional de Poesia Visual. Panamá.

1967

I Exposição Nacional do Poema/Processo. Escola Superior de Design Industrial, Rio de Janeiro, Brasil.



Coleções Públicas

Museo Nacional Centro de Arte Reina Sofía, Madrid, Espanha.

Pinacoteca do Estado de São Paulo, São Paulo, Brasil.

Coleção Museu de Arte do Rio, Rio de Janeiro, Brasil.